Governo pede mais prazo para quitar dívida com terceirizados do sistema prisional de SC

Próxima audiência na sede do Ministério Público do Trabalho ocorrerá no dia 14 de novembro

Florianópolis - O Governo de Santa Catarina pediu a prorrogação dos contratos administrativos mantidos com ONDREPSB – Serviço de Guarda e Vigilância LTDA e MONTESINOS até dia 30 de novembro de 2017, bem como o adiamento da audiência da segunda-feira passada (30), na sede do Ministério Público do Trabalho (MPT-SC), por 15 dias para  apresentar uma alternativa de quitação da dívida de R$ 86.000,00  que ainda tem com as duas empresas contratadas para fazer cogestão e segurança de unidades prisionais do Estado.

Continue Lendo

Imprimir